VOCÊ SEPARA SEU LIXO DOMÉSTICO? | GS one | Roupas Ecológicas

VOCÊ SEPARA SEU LIXO DOMÉSTICO?

08/05/2019


                 Nós não fomos educados sobre como separar o nosso lixo e muitas vezes não nos interessamos pela ação de fazer a devida separação dos resíduos que produzimos. Mas mesmo que houvessem programas de coleta seletiva na maioria das cidades brasileiras, seria necessário que a população fosse instruída sobre como fazer a separação do lixo dentro de casa. Que na realidade é bem mais simples do que se imagina... Então vamos te ajudar a começar esse hábito sustentável pois com essa iniciativa, você preserva a natureza e as reservas naturais, evita que seu lixo tenha um destino incorreto e ainda gera renda para quem realiza a coleta!

                Pra começar, é necessário que se tenha duas lixeiras ou recipientes onde possam ser descartados separadamente o lixo úmido do lixo seco. O lixo úmido é aquele composto por resíduos orgânicos de origem vegetal ou animal. Já o lixo seco é qualquer resíduo limpo e não contaminado independente do tipo de material do que ele é feito, desde que possa ser reciclado. Isso inclui garrafas pet, embalagens plásticas, papel, papelão, plástico, alumínio... lembrando que o vidro também é reciclável, mas merece um tratamento especial na separação. Quando seu lixo está separado entre seco e úmido, ele pode ser levado normalmente pelo caminhão de lixo. Ao chegar no aterro ou na cooperativa/associação de catadores, os responsáveis pela busca dos resíduos vão ir em busca do lixo seco. Logo sua separação de lixo entre seco e orgânico aumenta a possibilidade de que ele não vá poluir a natureza e sim, ser reciclado!

                Nos locais certos e separados corretamente, o lixo úmido se transforma em adubo e insumos que geram energia. Já o lixo seco, dependendo do material, há infinitas possibilidades de reuso a reciclagem. As garrafas PET podem se transformar em tecido, por exemplo. Já o papel pode facilmente se tornar novinho para ser reutilizado após ser reciclado. O motivo pelo qual a separação do lixo se faz necessária é a ajuda que isso causa para a coleta seletiva. Digamos que seu lixo foi parar em um aterro sanitário ou mesmo em uma cooperativa que coleta e recicla resíduos sólidos. Os catadores entram em contato direto com os resíduos e mesmo com uso de luvas, eles estão expostos a cortes e contaminações. Por isso, além de separar os resíduos secos dos úmidos é muito importante que se limpe as embalagens do lixo seco. Com um pouco de água com detergente ou sabão em uma pia fechada, você consegue limpar as embalagens do seu lixo seco e evitar a contaminação de quem fará a triagem para que ele tenha o tratamento correto. 

Voltar